16°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,45 Dólar R$ 5,44
0°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,45 Dólar R$ 5,44

Publicidade

Especial

“Muitos avanços em 102 anos”

Para Borba o que mais marcou para ele foi a evolução da cidade, tanto em extensão territorial, crescimento populacional, desenvolvimento de serviços, comércio, indústria e o setor educacional

Educação avançou muito em Erechim
"Não precisamos mais que nossos filhos saiam da cidade para se graduar"
Por Ígor Dalla Rosa Müller
Foto Divulgação

Ao longo dos 102 anos Erechim passou por diversos momentos, bons e ruins, porém, conseguiu, ao mesmo tempo, vencer os seus desafios e criar alternativas para se desenvolver social, economicamente e culturalmente, se tornando, por exemplo, um polo regional de educação, referência industrial e na área da saúde. Atualmente, em meio a pandemia do coronavírus (covid-19) a vida profissional, as relações de amizade, o cotidiano foi severamente afetado. No entanto, a trajetória histórica de Erechim mostra que o município tem condições de driblar os desafios e dar a volta por cima.      

“O isolamento social me afetou muito, porque profissionalmente, tive que deixar de ter contato com outras pessoas e isso acarreta uma grande retração nos negócios. Eu que sou corretor de imóveis, o mercado já vinha há alguns anos, desacelerando nessa área, agora com o isolamento social parou completamente os negócios”, conta o corretor, Nelson Borba, de 71 anos.   

Além disso, afirma, houve mudanças na vida social, já que ele tinha um convívio todos os dias com a turma do cafezinho no Plaza Imigrante, e em função da pandemia não se encontra mais com os amigos. “Toda sexta-feira nos reuníamos, há anos, com a turma da janta lá na AABB, desde então, não realizamos mais esses jantares”, diz. O que é complicado, pois segundo Borba, “o ser humano necessita de contato com outras pessoas para viver, isso é essencial”.

Conforme Borba, nestes 102 anos de Erechim houve muitos avanços e o que mais marcou para ele foi a evolução da cidade, tanto em extensão territorial, crescimento populacional, desenvolvimento de serviços, comércio, indústria e o setor educacional.

“Temos duas universidades em Erechim, uma particular e outra federal, com vários cursos de graduação, não precisando mais que nossos filhos saiam da cidade para se graduar, nas mais diversas áreas, desde medicina, odontologia, farmácia, engenharia, agronomia, psicologia, enfim, as mais variadas atividades, tudo pode ser feito aqui em Erechim”, explica. Ele lembra do próprio exemplo, para se graduar em Economia precisava ir diariamente a Passo Fundo. “Até concluir o meu curso”, afirma.  

Entre os eventos marcantes históricos de Erechim, Borba cita a realização da Frinape, que abrange, além da região, outros estados. “E o Rali Internacional de Erechim, que como o próprio nome diz é internacional e traz muitas pessoas de vários países, o que para o município é muito importante”, afirma.

Publicidade

Blog dos Colunistas