14°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Publicidade

Entretenimento

Accontece por Zeni Bearzi

teste
Divulgação
Por Zeni Bearzi
Foto Divulgação

Mulheres, mães, profissionais... verdadeiras fortalezas!

Elas são verdadeiros alicerces dentro de seus lares, e inclusive fora deles, no trabalho, na sociedade, na política, no esporte, ou onde ela quiser... Nesta edição, alguns exemplos de mulheres guerreiras que assumiram o comando de suas famílias e são profissionais de sucesso. Através de imagens, em ensaios fotográficos compilamos algumas destas mulheres, que surpreendem ao expressar o amor mais profundo por suas famílias. O ensaio fotográfico com famílias é uma tradição antiga, mas já passou por muitas mudanças. Mesmo assim, a fotografia tem sido a melhor maneira de registrar momentos e lembranças desde que foi criada. Os retratos registram as fases da vida e ganham um lugar especial na história da família. Recordações guardadas com carinho, respeito e veneração.
Leiam os depoimentos a seguir:

Minha mãe, eu e minha filha! 
“Temos em nosso DNA a força, a coragem e o amor. Somos melhores amigas!  Ser profissional, esposa, mãe e filha é se reinventar a cada dia. É descobrir novos caminhos, vencendo sempre as dificuldades com fé e amor. Minha mãe é a minha inspiração diária. Uma mulher que se mostra com força e uma fé inimaginável. Minha companheira de vida, que me dá forças, diariamente, para compreender a nossa perda. Em 2020, por força do destino, perdemos meu amado pai, e a minha mãe viu-se obrigada a se reinventar. Uma mulher que dedicou a sua vida para o papel de dona de casa, mãe e esposa, esperando sempre o comando do meu pai, teve que mudar e assumir o comando da família. E foi o que fez! Com muita sabedoria e desprendimento, a nossa matriarca nos dá paz, tranquilidade e muito amor”, segundo a opinião da turismóloga Michele Sansigolo dos Santos.
É inexplicável o amor de mãe, principalmente entre Zaira Sansigolo, Michele Sansigolo dos Santos e a pequena Joana Sansigolo dos Santos, retratadas em estúdio fotográfico, especialmente para registrar o Dia das Mães deste ano de 2021. 

“Minha história!! Minha vida!!”
Dilce Moura – coach, relata sua história familiar e de trabalho, neste depoimento:
“Durante muito tempo vivi em busca de sucesso pessoal e profissional, pois aprendi que devia ser sempre excelente naquilo que fosse fazer no âmbito pessoal e profissional, que em tudo desde as notas da escola não podia ser média: tinha que ser a melhor. 
Mesmo não sendo sempre a melhor, segui fazendo sempre o melhor que sabia em tudo que fosse minha responsabilidade. Aprendi na escola nas séries iniciais, que pra ser líder tinha que ser o melhor da turma, tirar as melhores notas e ser muito regrada.  
As primeiras lições de liderança que tive foi em casa, “você precisa ser forte, uma mulher de verdade não chora e não tem medo de fazer qualquer trabalho, você tem que ser independente, auto suficiente, “dona do seu próprio nariz” (expressão da época) e novamente como boa aprendiz, aprendi! Segui e sempre pratiquei, tanto que sufoquei muitas dores, chorei muitas vezes, me putrifiquei internamente, mas ninguém viu ou ouviu qualquer lamentação. Segui firme e forte, às vezes feliz outras nem tanto, mas isso é a vida. Aprendi com minha família, que nossos valores são a base de tudo, e que se você dá o exemplo você será seguido. Meu pai me deu exemplo de fortaleza. Assim venho construindo a minha história, respeitando, amando, valorizando e defendendo a minha família e o meu trabalho. Agora sei que autoliderança fez parte da minha vida desde cedo e irônica, mas felizmente hoje esse assunto é parte do meu trabalho. 
Esta foto, eu, minhas filhas Michele, Milena, Maria Eduarda, e meu neto Pedro, minha história!! Minha vida!! Meu sucesso pessoal. Um registro de família ao final de mais um encontro de domingo quando cada uma tem que seguir, retornar à suas casas pra suas rotinas e suas responsabilidades, sinto muito orgulho. Eu aprendi a lição passada pelos meus pais de ser a “dona do meu nariz” e sei que estou passando a elas a importância de serem as líderes das suas próprias vidas, de saberem liderar suas ações e serem responsáveis por suas escolhas boas ou ruins, de viverem sem medo os seus amores e seus medos. Viver a vida como ela é. Sei que assim como eu fizeram, fazem e farão escolhas, às vezes certas, outras nem tanto, mas sei que no fundo seguem os valores da nossa família e confiam no seu poder interior para viver e amar.
 Descobri que sempre tive o sucesso comigo, que o sucesso não depende do que o outro pensa ou do que eu tenho, mas sim do que eu penso e de quem eu tenho comigo. Amos vocês infinitamente e meu trabalho hoje é um dos amores que cultivo com muito cuidado e respeito”.

Encontro prazeroso
É muito importante e prazeroso reunir a família, disse Vera Lúcia Faccio, ao falar sobre o encontro da mãe, filhas, netas e bisnetas, no final do mês de maio, para comemorar antecipadamente seu aniversário que aconteceu em junho. Lorena Braggio Maffezzolli hoje com 93 anos é mãe de quatro filhos, 9 netos e 10 bisnetos, sendo que a Aurora de um ano e 9 meses, é a mais nova. Na foto em família, as poderosas mulheres: Jéssica, Adriana, Lorena, Vera Lúcia, Júlia, Lisandra, Carina, Aurora e Jamile. 

Quatro gerações comemoraram o Dia das Mães! 
Comemorar a vida, a alegria e a sucessão familiar não tem preço. O encontro de Terezinha, Sueli Rubas Cusma, com a filha Daniely e a neta Isabella, é para a posteridade.

Álbum de família
Jane Riede (mãe e avó), reservou um tempinho para um ensaio fotográfico com as filhas gêmeas e os netos, visando registrar a união da família para a posteridade, aproveitando a beleza da natureza e a gratidão pela vida. Na foto, Jane com a filha Marília Poy e seus filhos Luís Henrique e João Pedro; e a filha Mariane Poy e filhos Ian José e Lucca Antonio. Foto Elsa

Momento único em família
Marisa Picoli Rodighero com as filhas e neta: Maiara, Priscila e Mara Antônia comemorando aniversario e momento de confraternização, registro que poderá ser usado em futuras ocasiões, para eternizar encontros do verdadeiro amor em família. Cada família é, e carrega uma história diferente, mas registra o afeto entre pais e filhos, as peculiaridades, diferenças, e as mudanças com o tempo.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas