14°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Publicidade

Opinião

Até na morte?

As mortes no nosso país, em nosso município, nos nossos hospitais, não causam dor? Não são reais?

teste
Há um mar de vidas perdidas e isso não importa, ainda?
Por Ígor Dalla Rosa Müller
Foto Divulgação

As projeções de vítimas da covid-19 são muito ruins para os próximos dias no Brasil. E, aqui no Alto Uruguai não é muito diferente. Mas o que mais me deixa perplexo é que as mortes no Brasil não parecem afetar muitos brasileiros.

As vidas perdidas em novelas sensibilizam e fazem chorar, ao ponto do sujeito querer espancar um artista de TV quando vê ele na rua, responsável por aquela morta irreal, ficcional, obra da invenção televisiva. Milhares de brasileiros estão morrendo todos os dias, há praticamente um ano a fio, sem trégua, e isso não é digno de sentimentos? Há um mar de vidas perdidas e isso não importa, ainda?

As mortes no nosso país, em nosso município, nos nossos hospitais, não causam dor? Não são legítimas? As nossas mortes não servem de exemplo para mudar a postura de indivíduos e governos? Elas precisam passar pelo crivo da TV ou da cultura estrangeira para serem validadas? É isso mesmo? Até na morte, no fim, na extinção da vida é preciso aval! Quando iremos acordar dessa indiferença e ignorância que, literalmente, leva a nada, aliás, acaba com a vida?

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas