22°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,39 Dólar R$ 5,39
0°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,39 Dólar R$ 5,39

Publicidade

Região

Itatiba do Sul: as obras continuam

Nos últimos três anos foram captados cerca de R$ 800 mil por meio das leis de incentivo social

Nos últimos três anos foram captados cerca de R$ 800 mil através das leis de incentivo social
Por Da Redação
Foto Divulgação

Nesta semana, o Ginásio Municipal Ricardo Giovanoni Bertuzi está em obras. A empresa Construtora Possamai LTDA está executando o novo piso esportivo do ginásio em modulares feitos de polipropileno copolimerizado virgem (não reciclado).

A obra tem um investimento de R$ 53.480,50 (cinquenta e três mil quatrocentos e oitenta reais e cinquenta centavos) sendo R$ 13.480,50 (treze mil quatrocentos e oitenta reais e cinquenta centavos) contrapartida do município e R$ 40.000,00 (quarenta mil reais) patrocinado pela empresa CPFL Energia.

A ação faz parte do projeto “Núcleos de Inclusão Social" realizado através da lei de incentivo captado pela CUFA, em parceria com o Conselho Municipal da Criança e Adolescente e Prefeitura Municipal, e oferece melhorias no espaço esportivo para a prática das oficinas de futsal e voleibol.

Segundo a presidente do Conselho Municipal da Criança e Adolescente e Idoso, assistente social, Neli Lopes, nos últimos três anos foram captados cerca de R$ 800 mil através das leis de incentivo social, o que tem permitido muitas ações na área da educação, esporte e cultura para o público alvo.

Leia também

  • Jacutinga: ave dá nome ao município

    Moradores e tropeiros que por ali passavam deram esse nome ao pequeno vilarejo

  • Itatiba do Sul: terra das pedras

    Ao chegar ao local onde hoje é Itatiba do Sul, o imigrante se deparava com a floresta virgem. Como havia muita madeira de lei, o corte das árvores mostrava-se lucrativo, seja para abrir os espaços para a construção dos “ranchos”, preparar o solo, limpar o chão para o plantio

  • Ipiranga do Sul: município construído por muitas mãos

    A formação de Ipiranga do Sul começou na propriedade da família Rigo, que, apesar de não morar lá, possuía um agregado, chamado Jacó Postal, que, junto aos seus familiares, cuidava de terra e trabalhava na lida do gado

Publicidade

Publicidade

Blog dos Colunistas