14°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Publicidade

Mundo

Agricultor é encontrado dentro de cobra de 7 metros na Indonésia

Agricultor foi encontrado, vestindo roupas e botas

teste
Agricultor foi encontrado, vestindo roupas e botas
20170328113320kqgpifpgof_1.jpg
Por Da Redação
Foto Divulgação

Um agricultor que estava desaparecido foi encontrado dentro de uma cobra píton-reticulada na Indonésia. Akbar Salubiro, de 25 anos, foi atacado e devorado pela cobra de 7 metros numa plantação de palma na região de Sulawesi, de acordo com a polícia daquele país.

Agricultores locais desconfiaram que o homem pudesse ter sido engolido pelo réptil, que já havia sido visto na região. Decidiram caçar a cobra e, ao encontrá-la, perceberam que ela tinha uma protuberância enorme.

Ao cortar o animal, encontraram o corpo de Salubiro, ainda de botas e roupa. Imagens de vídeo feitas com celular mostrando a cobra sendo aberta foram divulgadas pela imprensa na Indonésia.

A píton-reticulada divide com a sucuri o título de maior cobra do mundo. Ambas, normalmente, enrolam-se nas vítimas, matando-as por sufocamento. Normalmente essas cobras não mastigam a comida. As mandíbulas de ligamentos flexíveis permitem engolir uma presa por inteiro. Ainda assim, há limites.

Casos de pítons-reticuladas engolindo homens adultos são raros. Já casos envolvendo crianças ou animais, como ratos, porcos e até vacas. Especialistas acreditam que essa é a primeira vez em que existem evidências confiáveis, como o vídeo, de que uma píton-reticulada devorou um adulto humano. Outros casos previamente relatados ocorreram em áreas remotas e sem testemunhas confiáveis.

Leia também

  • De Três Arroios à Itália: da culinária aos costumes

    Crescida em Três Arroios, Bruna Gorete Mazzonetto, 33 anos, está morando na Itália desde janeiro de 2020. Ela se transferiu para frequentar um mestrado em Didática da Língua Italiana para Estrangeiros na cidade de Verona na região do Vêneto, e apresenta à reportagem a culinária e os costumes

  • Terremoto no Haiti: Imigrantes que moram em Erechim acompanham com preocupação a situação

    Com apoio de redes sociais e rádios locais buscam informações de familiares e amigos

  • O beijo do Papa

    Quando vi a foto do Papa Francisco beijando a tatuagem no braço de Lidia Maksymowicz, me arrepiei e um filme passou por minha cabeça, reforçando - ao menos internamente - que, ao optar por estudar o Holocausto, a partir de pesquisas, entrevistas e repetidas viagens para diversos países do globo, encontrei algo que me motiva a seguir

Publicidade

Blog dos Colunistas