25°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Tecnologia

Prefeito faz avaliação positiva da missão empresarial ao South Summit

A primeira ação para começar a estruturar o Polo Tecnológico em Erechim é montar o ecossistema formado por universidades, empresas e Poder Público, afirma prefeito Paulo Polis

teste
1
Por Assessoria
Foto Divulgação

 

“O momento é de avançarmos em inovação e tecnologia e fazer parte do time que caminha na frente”, afirma o prefeito de Erechim, Paulo Polis, nesta segunda-feira (9), ao fazer uma avaliação sobre a Missão Empresarial ao South Summit Brazil, maior evento de tecnologia do mundo realizado pela primeira vez no Brasil, em Porto Alegre, que contou com a presença de uma comitiva erechinense formada por representantes de empresas, universidades e integrantes da administração municipal.“Não poderíamos deixar de estar lá”, disse.

Segundo o prefeito, Paulo Polis, o mundo está em constante mudança e a tecnologia faz parte deste movimento. A questão principal é entender como se inserir neste universo tecnológico, criar um hub de inovação e um Polo Tecnológico. “Mas para que tudo isso aconteça é preciso mudar o comportamento das pessoas”, afirma.

Na sua avaliação, a Missão Empresarial ao South Summit foi muita produtiva porque trouxe algumas ideias de como iniciar esta conexão entre inovação e a realidade erechinense. “Este não é um processo simples, mas não tem como ficarmos de fora disso. E já estamos caminhando neste sentido. A tecnologia vem para auxiliar, por exemplo, a reduzir o tempo de serviço prestado pelo Poder Público à comunidade, para melhorar a economia, os negócios, a vida. É assim que inovação faz sentido”, explica.

O prefeito Polis comenta, também, que em Erechim já tem mais de uma dezena de pessoas trabalhando em casa para empresas de todo o mundo, recebendo o salário em euro ou dólar. “Criando soluções na área tecnológica para o mundo, daqui de Erechim”, disse.

O que é inovação?

É importante explicar para a comunidade, afirma o prefeito, que inovação por si só não se sustenta, ela precisa estar aplicada em serviços, produtos, máquinas, para melhorar o dia a dia das pessoas.

“A inovação vai ser desenvolvida a partir das nossas necessidades, empresas, para atender o setor metal mecânico, serviços, alimentos, a área da saúde. Por exemplo, na semana passada, a Prefeitura de Erechim colocou o serviço de alvará de vigilância sanitária on-line, que será feito em 10 a 15 minutos. O objetivo é também reduzir o papel até chegar a zero na prefeitura com a digitalização de todos os serviços, mas é preciso mudar o comportamento”, enfatiza o prefeito.

Primeiro passo

A primeira ação para começar a estruturar o Polo Tecnológico, em Erechim, observa o prefeito Polis, é organizar o ecossistema formado por universidades, empresas e Poder Público. “O primeiro passo é juntar essas três esferas, empresas, universidades e poder público”, observa.

O prefeito Polis enfatiza que esta iniciativa já está em curso desde a implantação da Incubadora Tecnológica, que “é o embrião deste processo de inovação”. E, acrescenta, “a ideia agora seria transformar o Polo da ACCIE (Associação Comercial, Cultural e Industrial de Erechim) em um Polo Tecnológico, mas as instituições precisam concordar com esta transformação, e como eles mesmos dizem o Polo da ACCIE está subaproveitado”.

Polis explica que o programa municipal Investe + Erechim, o maior plano de investimentos da história de Erechim, tem recursos previstos para serem investidos em inovação e tecnologia. “Que poderiam ser utilizados para adequar a infraestrutura do atual Polo da ACCIE”, comenta.

“É preciso ter sede do futuro, vontade de olhar para frente e de chegar lá, e em Erechim todos estão querendo olhar nesta direção. Agora é hora de colocar no papel, estabelecer os objetivos, metas, tempo para realizar os projetos e trabalhar”, ressalta o prefeito.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas