14°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Publicidade

Ensino

UFFS adere à campanha nacional Bosques da Memória

Iniciativa tem por objetivo homenagear as vítimas da covid-19 e profissionais da saúde com plantio de árvores

teste
Campus Erechim agosto de 2021
Divulgação
Por Ascom
Foto : Divulgação/UFFS.

A Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) Campus Erechim vai destinar uma área da Instituição, às margens da RS 135, para a campanha nacional “Bosques da Memória - uma homenagem da Mata Atlântica às vítimas da covid-19 e aos profissionais da saúde”. Trata-se de uma iniciativa da Rede de ONGs da Mata Atlântica (RMA), da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica (RBMA) e do Pacto pela Restauração da Mata Atlântica, que agora terá a participação do Campus da UFFS.

 

No próximo dia 21 de setembro, Dia da Árvore e início da XIX Semana Municipal de Meio Ambiente e do XVIII Fórum Regional de Meio Ambiente de Erechim, a Comissão de Paisagismo da UFFS – Campus Erechim fará uma live de lançamento do projeto. A ideia de criar um Bosque da Memória no local é da professora Marilia Teresinha Hartmann, coordenadora do curso de Ciências Biológicas.

 

Desde que a campanha foi lançada no Brasil, no final de 2020, muitos bosques foram criados em todo o território nacional. A meta dos organizadores é plantar pelo menos 200 mil árvores. Este projeto também marca início da Década da Restauração de Ecossistemas 2021-2030, declarada pela ONU.

 

- Além de plantar árvores, o projeto no Campus objetiva plantar esperança, solidariedade e cuidado com a vida em todas suas manifestações. A pandemia nos fez perceber a fragilidade da vida e o impacto que desequilíbrios naturais trazem para nossa vida em sociedade, lembrando mais uma vez que a Terra é nossa casa comum – afirma o servidor Jorge Psidonik, coordenador da ação.

 

Com a criação do Bosque da Memória, os familiares e amigos de vítimas da covid-19 terão a oportunidade de homenagear seus entes queridos com o plantio de uma árvore, criando assim um marco simbólico de sua presença no mundo. As espécies poderão ser nativas da Mata Atlântica da nossa Região, plantadas pessoalmente pelos familiares e amigos ou doadas para que os voluntários e servidores da UFFS façam o plantio.

 

Junto com o Bosque da Memória, a Comissão de Arborização também lançará o projeto + 1000 árvores no Campus, que, como o nome diz, tem o objetivo de plantar, até o final de 2022, pelo menos mil árvores na área do Campus.

 

Todas as ações serão executadas de forma solidária, envolvendo técnicos-administrativos, professores, estudantes, familiares de vítimas da covid-19, comunidade regional e entidades parceiras, que somarão esforços para atingir a meta e, assim, ampliar as áreas arborizadas na UFFS - Campus Erechim. A contribuição se dará na doação de mudas e mutirões de plantio em datas a serem agendadas.

 

A previsão é de que o plantio inicie no dia 5 de novembro, quando será realizado um mutirão e, quem desejar, poderá ir até o Campus e fazer o plantio. Também será possível agendar com a Comissão.

 

Os detalhes dos projetos serão apresentados durante a live do dia 21, que contará com a presença dos integrantes da Comissão de Paisagismo (presidida pela professora Angela Favaretto), do diretor do Campus, coordenadores dos cursos envolvidos e entidades parceiras. O evento será às 19h, no canal da Extensão e Cultura da UFFS - Campus Erechim no Youtube: https://youtu.be/HcpxAtioNSs.

 

Para conhecer mais sobre a campanha Bosques da Memória, acesse www.bosquesdamemoria.com.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas