0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Publicidade

Segurança

Polícia prende suspeito de homicídio em Erechim

987ebe7e-a1b8-47ee-b62f-a67a3b75af02.jpg
1aaff3a8-ddf8-41c0-ac2c-7ad0ef5c3c0f.jpg
Por Redação
Foto Polícia Civil

Em menos de 15 horas, a 2ª Delegacia de Polícia de Erechim, com o apoio da Brigada Militar, elucidou o assassinato de José Carlos Gevinski, de 48 anos. Conforme nota divulgada pela polícia, o fato ocorreu na madrugada de quarta-feira (30), no Bairro Progresso.

Segundo a nota enviada para a imprensa, a investigação sobre o crime iniciou às 2h da madrugada e se estendeu até o final da tarde de quarta-feira. O trabalho integrado resultou na prisão do suspeito, de 23 anos de idade, o qual confessou ter assassinado a vítima mediante golpes de faca.

O criminoso, que não teve o nome divulgado na nota enviada para a imprensa, teria agido sozinho, e como motivação para o homicídio, alegou possuir desavenças antigas com a vítima. Segundo ele, nos últimos tempos, Gevinski teria passado a ameaçá-lo.

Durante sua inquirição, o autor indicou aos policiais o local em que teria jogado a faca utilizada no crime - um prédio abandonado no centro da cidade - a qual foi apreendida e possivelmente servirá como prova no júri.

O delegado de Polícia, José Roberto Lukaszewigz, responsável pela apuração do caso, representou pela prisão preventiva do autor, que foi deferida pelo Poder Judiciário local. Ele deverá aguardar o processo recolhido no Presídio Estadual de Erechim.

Conforme relato de um familiar para a imprensa, Gevinski foi assassinado quando estava em via pública e teria sido atingido por pelo menos três facadas, uma delas no tórax. Ele chegou a ser socorrido ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Publicidade

Blog dos Colunistas