11°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 4,44 Dólar R$ 4,01
0°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 4,44 Dólar R$ 4,01

Publicidade

Segurança

Delegado fala sobre a morte de jogador do Corinthians Futsal em Erechim

Crime ocorreu na Avenida Sete de Setembro.jpg
Por Alan Dias
Foto Google Maps

O delegado titular da 2ª Delegacia de Polícia de Erechim, José Roberto Lukaszewigz, responsável pela investigação envolvendo a morte do atleta do Corinthians Futsal, Douglas Nunes da Silva, de 27 anos, conversou com a imprensa na tarde deste domingo (11) e falou sobre o quê a polícia teria apurado até o momento.

De acordo com o delegado, segundo testemunhas ouvidas, os jogadores do time paulista, por volta da meia-noite, resolveram sair para passear na noite erechinense e foram até um bar na Avenida Sete de Setembro, proximidades da URI Campus, e lá permaneceram em um camarote até por volta das 5h da madrugada deste domingo.

“No camarote havia outras pessoas além dos jogadores, dentre as quais o rapaz que posteriormente efetuaria o disparo contra a vítima. Na bilheteria teria ocorrido uma discussão envolvendo a vítima e alguns rapazes e ainda não se sabe o motivo. Houve agressão física e a vítima teria dado um soco no rosto do investigado. Este saiu do local e retornou logo após tripulado um veículo Peugeot 207, branco. No interior do carro, além do investigado, que estava no banco do carona, haviam duas pessoas”, disse o delegado.

Ainda conforme relatos das testemunhas, o Peugeot teria estacionado em frente ao bar e seus ocupantes teriam chamado por um outro jogador do Corinthians, conhecido deles em razão de já ter jogado em Erechim. O atleta então foi até o carro, mas foi seguido por Douglas, que, supostamente, teria colocado parte do corpo dentro do veículo para discutir, momento em que foi atingido por um tiro, que perfurou sua mão direita, possivelmente por ele ter tentado se proteger, e lhe atingiu o rosto, nas proximidades do olho direito. O veículo com o autor, teria fugido na sequência.

Douglas chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros Militar, mas não resistiu ao ferimento.

Publicidade

Publicidade

Blog dos Colunistas