22°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 4,32 Dólar R$ 3,80
22°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 4,32 Dólar R$ 3,80

Publicidade

Segurança

Corpo encontrado em mala deverá ser identificado por exame de DNA

DSC08525.JPG
Por Alan Dias
Foto Alan Dias

O corpo encontrado dentro de uma mala, na tarde de sexta-feira (11) em Erechim deverá ser identificado através de um exame de DNA solicitado pela Polícia Civil. A suspeita é de que se trate de uma mulher residente na cidade que estaria desaparecida a pelo menos quatro meses, mas o avançado estado de decomposição impede outro tipo de reconhecimento com segurança. Parentes da mulher desaparecida estiveram no local e reconheceram restos de roupas como sendo da familiar.

"Só tem praticamente os ossos, está difícil fazer um reconhecimento", explicou o delegado titular da Delegacia de Polícia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), Gustavo Ceccon, em entrevista ao G1. A informação inicial, de que a vítima teria sido esquartejada antes de ser colocada na mala, também não pôde ser confirmada, o que deve ocorrer somente através de laudo pericial.

Apesar de o desaparecimento da mulher ter ocorrido meses atrás, o fato só teria sido registrado na Delegacia de Polícia há cerca de uma semana.

A Draco trabalha com diversas linhas de investigação para esclarecer a morte e ainda não descarta que tenha envolvimento com uma disputa entre quadrilhas que buscam dominar o tráfico na cidade, o que já resultou em pelo menos três homicídios nos últimos dois meses.

 

Corpo localizado

O corpo foi localizado por agentes da Polícia Civil em um terreno baldio na Rua Pernambuco, bairro Linho. Apesar de estar em um local com comércio, movimento de veículos e pedestres, só foi descoberto na sexta-feira, devido a mala estar fechada, sob entulhos, o que impediu que exalasse cheiro. Ainda conforme a reportagem do G1, nas proximidades não existe câmeras e moradores não perceberam nenhuma movimentação estranha.

Publicidade

Blog dos Colunistas