Publicidade

Esportes

Presidente avalia participação do Ypiranga no Gauchão

Luis Felipe De Marchi diz que o foco do clube redireciona as atenções para a Copa do Brasil e Série C do Campeonato Brasileiro

Foto: Leandro Zanotto
Por Da redação - jornalismo@jornalbomdia.com.br

Luis Felipe De Marchi diz que o foco do clube redireciona as atenções para a Copa do Brasil e Série C do Campeonato Brasileiro

O Campeonato Gaúcho de 2016 encerrou para o Ypiranga na última terça-feira (13). A derrota para o Juventude por 4 a 1 representou o fim da participação no Gauchão deste ano e mudança de foco para o restante do ano. A classificação para a próxima fase era considerada difícil, mas o resultado de Caxias do Sul não era esperado pela comissão técnica, direção e nem pela equipe, que apresentou falhas no jogo disputado no Estádio Aldredo Jaconi, principalmente na defesa.

Ontem (13) o presidente Luis Felipe De Marchi, concedeu entrevista exclusiva ao Bom Dia. O dirigente comentou que a direção está trabalhando e que apesar da derrota a atuação do elenco durante a competição foi muito boa e atingiu as metas de planejamento. "Ficamos em quinto lugar na competição. No geral atingimos o que buscávamos, que era se manter na elite do futebol gaúcho. Agora na última partida o resultado foi ruim. Não houve empenho dentro de campo", afirmou o dirigente.

A partir de agora o Ypiranga terá entre 20 e 30 dias até o retorno da Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro, tempo que deverá ser usado para promover mudanças na equipe. Muitos jogadores têm contrato apenas para o Campeonato Gaúcho, como o meia Danilinho, os zagueiros Jessé e Wesley e o atacante Márcio, que são alguns dos nomes que podem deixar o clube. Sobre dispensas, De Marchi ressaltou que a direção e a comissão técnica deve se reunir ainda nesta semana para conversar sobre o futuro de alguns jogadores do elenco. "Será feita uma avaliação geral juntamente com a comissão técnica. Iremos conversar com os jogadores e seus empresários. Aqueles que tivermos interesse vamos manter e outros serão dispensados", ponderou.

Sobre a permanência de grandes nomes como Carlão e Túlio Renan, o presidente ressaltou que o arqueiro principal da equipe deve continuar no grupo que disputa a Série C e a Copa do Brasil. Já o atacante Túlio Renan, que extraoficialmente seria um dos nomes que deixaria a equipe e seguiria para um novo clube, após a boa atuação nesta primeira grande competição do ano, o dirigente destaca que não houve uma conversação oficial. "Ele tem contrato até o final do ano. Sei que o empresário anda conversando com outros clubes, mas sobre uma transferência dele diretamente conosco não ouve nem uma conversa", destaca.  

Comissão técnica

Sobre uma possível mudança na comissão técnica o presidente reafirmou que todos têm um contrato até o final do ano e que a direção não tem a intenção de fazer qualquer substituição. "Vamos cumprir nossa parte em relação a isso. Não temos interesse de ninguém da comissão técnica para deixar o clube neste momento, mas vamos respeitar sempre qualquer decisão tomada por eles, finalizou

Série C do Campeonato Brasileiro

O Ypiranga estreia no dia 20 de maio na Série C do Campeonato Brasileiro contra o Juventude, no Estádio Alfredo Jaconi. Pela Copa do Brasil o time de Erechim espera o resultado de Sport Recife e Aparecidense. Deste confronto sairá o adversário da partida da próxima fase do campeonato nacional, que ainda não tem data definida para ocorrer.

Publicidade

Blog dos Colunistas