25°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Social

Jardins de Jacutinga: tempo de florescer

A premiação acontece nesta sexta-feira, 17, na Câmara Municipal de Vereadores de Jacutinga

teste
Divulgação
Divulgação
Divulgação
Divulgação
Divulgação
Divulgação
Por Zeni Bearzi
Foto Zeni Bearzi

O concurso jardins de Jacutinga “Tempo de Florescer”, contou com a participação de 22 propriedades, sendo 12 rurais e 10 urbanas, numa promoção da Emater/Ascar e Prefeitura Municipal de Jacutinga.

Mari Tânia Trevisol Spazzini - extensionista Rural Social Emater Jacutinga e Emanuela Lodea - Coordenadora de Turismo de Jacutinga acompanharam os jurados, para avaliação do trabalho executado. Fizeram parte da avaliação: Doriane Pereira Damin - Extensionista Rural Social - Pedagoga/Capacitação técnica em Ajardinamento e Paisagismo; Nadia Magali Farina da Rosa - Assistente Técnica Regional Social EMATER/RS-ASCAR; Maria Vanda Krepinski Groch, representando a área de turismo; Ana Schuster, gerente regional e comercial e Zeni Bearzi, do Jornal Bom Dia.

Nem a estiagem, muito menos a falta de mão de obra no campo, esmoreceram os participantes, na maioria mulheres, que acompanhadas de seus maridos e filhos, dedicaram atenção especial ao concurso, preparando seus jardins e apresentando aos jurados, novidades e espécies com tradição familiar.  Jovens e também idosos com mais de 85 anos, participaram do concurso, felizes em poder participar e receber o apoio e a experiência da Emater.

A avaliação contou com itens, como criatividade e originalidade; harmonia do ambiente; aproveitamento e integração dos espaços; vigor e estado das plantas; diversidade de espécies e resgate de mudas, e a manutenção dos jardins.

Os jurados percorreram cada propriedade, passando por belas paisagens, imensas áreas plantadas, comunidades, e foram recebidos com a alegria peculiar das pessoas do interior, com muito afeto e gentilezas, mostrando suas propriedades, com vários tipos de produção, com muito orgulho, muitas passadas de geração para geração.

Para a representante da área de turismo, uma das juradas, Maria Vanda Krepinski Groch, disse que “a escolha deste título TEMPO DE FLORESCER” evidencia o iluminado propósito do concurso. Visitando os vinte e dois jardins encontramos pessoas extraordinárias, felizes pelas obras em seu jardim físico e espiritual. A beleza e a composição são originais e únicas em cada um. Muitas famílias já com planos de expansão do espaço físico com espécies que fazem parte da história familiar na propriedade. A associação com a parte museológica abre muitas perspectivas, sendo muito promissor para atrair turistas e pesquisadores, para dividir incríveis lições de diferentes aprendizagens e superações, beleza, cor e sustentabilidade. Neles floresceu... gratidão, alegria, amor, paz, harmonia, saúde, amizade, luz, cor, superação, renascimento, perdão, fé, inspiração divina e humana, e muita esperança”.

Publicidade

Blog dos Colunistas