16°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,41 Dólar R$ 5,44
0°C
Erechim,RS
Previsão completa
Euro R$ 6,41 Dólar R$ 5,44

Publicidade

Saúde

Erebango: sete profissionais de saúde estão em isolamento

A confirmação do contágio pelo novo coronavírus foi feita por meio de testes rápidos na manhã de hoje (23) e, de acordo com a Secretaria, estão sendo seguidas todas as medidas preconizadas

teste.jpg
Por Izabel Seehaber
Foto Divulgação

Durante o meio dia e início da tarde de hoje (23), outros profissionais que atuam na área da saúde do município de Erebango, além de Rosangela Jacobs Perret (a qual noticiamos mais cedo), também publicaram em suas redes sociais que fizeram o teste durante a manhã e o resultado foi positivo.

Em contato com a Secretaria, foi confirmada a informação de que seis pessoas estão com o coronavírus. Além disso, outra havia realizado o teste na semana passada e também confirmou a covid-19. Destas, duas apresentam sintomas leves e as demais estão assintomáticas.

Conforme a Secretaria, todos os servidores estão seguindo as orientações preconizadas pelo Ministério da Saúde e permanecerão em isolamento por 14 dias.

Comunicado

No fim da tarde a Prefeitura de Erebango publicou um comunicado oficial em sua página no Facebook, em que esclarece que a testagem aconteceu em razão do contato dos profissionais com um funcionário sintomático. O documento, reforça, ainda, que é fundamental observar os cuidados de higiene e contato na Unidade de Saúde. Do mesmo modo, frisa que todos os casos estão sendo monitorados e serão realizados novos testes.

“Salientamos a importância do distanciamento social, do uso de máscara e higiene adequada, bem como somente sair de casa se realmente for necessário. Visando diminuir o fluxo de pessoas e minimizar o risco de contaminação, porém sem deixar de prestar atendimento à população, orientamos que somente procure atendimento na Unidade Básica de Saúde os pacientes com sintomas gripais e quadros de urgência que não podem ser resolvidos em casa”, acrescentou o comunicado.

Sobre o número de casos

Segundo a 11ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS), mesmo com um número expressivo de casos confirmados em um setor, ainda não pode ser caracterizada uma situação de surto, levando em conta que, para isso, é preciso que no mínimo duas pessoas estejam com sintomas e que estes tenham começado no mesmo período de sete dias.

“Portanto, esses servidores serão monitorados para averiguar quais as próximas medidas a serem adotadas, conforme o que prevê o protocolo”, comentou o enfermeiro da CRS, Rodrigo Vargas.  

 

 

 

 

 

Publicidade

Blog dos Colunistas