25°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Saúde

A exposição solar é uma ação contínua que temos ao longo de toda a vida

Pele em evidência: atenção com as promessas de bronzeado fácil

Por Assessoria de Comunicação
Foto Divulgação

A primeira coisa que vem à cabeça quando se pensa em prevenir as incômodas queimaduras do sol é o uso do famoso protetor solar. Ele é, sim, importante, mas é preciso bastante cuidado e orientação profissional na hora da escolha do produto que será usado. Um primeiro alerta é estar atento com aqueles itens que prometem um bronzeado perfeito. “Os produtos que bronzeiam têm baixa proteção solar e permitem que o sol chegue na pele de maneira mais intensa. Então, na verdade, aumentamos o risco de uma queimadura acontecer. No passado, eram até mais comuns esses óleos bronzeadores. Hoje, felizmente, nosso conhecimento está mais evoluído neste aspecto”, explica o dermatologista membro da SBD-RS e coordenador da campanha Dezembro Laranja no RS, Fabiano Siviero Pacheco.

Do mesmo modo, a presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia – Secção RS, Analupe Webber, explica que é importante sempre lembrar que a exposição solar é uma ação contínua que temos ao longo de toda a vida. “Nossa pele vai ser mais ou menos agredida conforme o comportamento que tivermos não apenas em um fim de semana, mas como rotina. Toda vez que vamos a praia e acabamos nos expondo ao sol indevidamente, há uma reação da pele, que é o maior órgão do corpo humano. O bronzeado, então, é uma resposta do organismo ao dano que aquela célula sofreu”, alerta.

Entre as recomendações é importante evitar o sol entre 9h e 15h. O sol do meio dia tem uma quantidade de ultravioleta tipo B (UVB) muito intensa e ele é o raio mais perigoso do ponto de vista de saúde. A exposição inadvertida neste horário é a mais agressiva, então precisa ser evitada. Outras recomendações complementares são o uso de chapéu, camiseta e óculos escuros. Em relação ao protetor solar, os especialistas recomendam sua aplicação trinta minutos antes da exposição ao sol; reaplicar a cada duas horas e não esquecer partes específicas do corpo como as orelhas. Ainda, reaplicar após sair da água ou após transpiração intensa, como na prática de exercícios físicos, por exemplo.