25°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Saúde

Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade atinge principalmente crianças e adolescentes

O que você sabe em relação ao TDAH?

Por Assessoria de Comunicação
Foto Divulgação

Desatenção, inquietude, agitação e impulsividade são exemplos de sintomas causados pelo Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH), uma doença crônica que atinge principalmente crianças e adolescentes, e que pode perdurar a vida inteira. Durante a adolescência, o transtorno se caracteriza pela dificuldade em seguir regras e aceitar limites. Já na fase adulta, a falta de memória é mais comum. Além disso, as fortes presenças de tais disfunções possibilitam o desenvolvimento da ansiedade e depressão.

Por mais que as adversidades da vida influenciem na intensidade dos problemas experimentados pelas pessoas com o transtorno, a principal causa do TDAH é a genética. Segundo a psicóloga e professora, Larissa de Oliveira, “já foi sugerido que problemas no desenvolvimento, alimentação ou familiares afetam o funcionamento do cérebro, porém, o distúrbio pode ser considerado funcional e hereditário”.

Segundo Larissa, o diagnóstico da doença é predominantemente clínico e ocorre devido a observação de comportamento das crianças pelos pais ou responsáveis. “Para que se possa levantar a hipótese da existência do transtorno, é necessário que seja identificado, pelo menos, de cinco a seis sintomas”, explica.

Após a confirmação da disfunção, o tratamento deverá ocorrer por meio de terapia e uso de medicamentos indicados por um psiquiatra infantil. A conversa com o psicólogo é importante para que o indivíduo entenda melhor sobre a sua condição, além de expor como se sente. O tempo de intervenção psicológica varia para cada caso, porém, é recomendado para todos os níveis de TDAH.