14°C
Erechim,RS
Previsão completa
0°C
Erechim,RS
Previsão completa

Publicidade

Esportes

Erechinense aprovado no Atlético-MG diz que realizou um sonho

O atleta erechinense, Henrique Noronha, de 12 anos, estudante do Colégio Franciscano São José, foi aprovado para integrar as categorias de base do Atlético-MG, a partir do ano que vem

teste
Atleta Henrique Noronha
Por Redação
Foto Divulgação

A seletiva aconteceu após uma série de avaliações, no Centro de Treinamento Cidade do Galo, em Belo Horizonte e em fevereiro, Henrique se junta a mais 30 meninos da categoria sub-13 para defender as cores do clube.

Tendo se destacado no esporte desde muito cedo, seu pai, Pedro Noronha, que é professor de educação física no São José, iniciou a busca pela evolução de Henrique, seguindo o sonho de ver seu filho se tornar um jogador profissional.

Segundo ele, o convite do Atlético-MG, um dos maiores escudos do país, foi recebido com grande entusiasmo. Pedro revelou que há um bom período, Henrique já estava sendo aperfeiçoado para alcançar o objetivo. “Estamos muito felizes, é uma alegria imensa, estamos trabalhando com ele mais intensamente desde os seis anos. Sempre rodamos o Brasil inteiro com ele, disputando vários torneios e campeonatos”.

 

Três Viagens

O pai relata ainda que “através de um amigo, conseguimos encaminhá-lo para fazer um teste em Minas Gerais. Foram três viagens até conseguir a aprovação e não foi fácil. O Henrique passou por várias avaliações, com atletas que são monitorados por profissionais. Na terceira vez ele foi aprovado. É uma vitória e ele é um menino de ouro”, expressou Noronha.

 

Sonho do filho

Antes de se mudar à capital mineira junto com a família, Henrique ainda disputa o Campeonato Municipal de base. Seu pai, que treina a equipe, deseja vencer a competição para coroar a saída de Erechim. Segundo ele, tudo que estiver ao alcance será feito para realizar o sonho do filho. “O Henrique foi artilheiro em 2019 no Municipal na categoria fraldinha, esse ano ele é no mirim, onde disputamos a semifinal.

 

Coroar a saída

Queremos coroar a sua saída de Erechim com a conquista de um título na base. Faremos o possível e o impossível para ele seguir a carreira. Realmente é um dom, são poucos que nascem com isso e temos que trabalhar”, disse Pedro Noronha.  

 

Realização de um sonho

O jovem Henrique, relatou que receber o convite do Galo, “foi a realização de um sonho. Não foi fácil passar por uma série de testes, mas com enorme emoção fui aprovado, fiquei muito feliz quando recebi a notícia. Principalmente, a minha família que me ajudou também. Eu comecei jogando futsal, mas agora o foco é no campo. Esse ano eu sou sub-12 e ano que vem vou jogar no sub-13”.

 

Outra história

Henrique revelou que a passou a ter apreço e que vai torcer pelo time mineiro. “Eu torço para o Grêmio, mas agora o meu time é o Atlético-MG. Me inspiro no Hulk, que joga em várias posições no ataque. Eu jogo no meio-campo ou de volante. Ainda tenho o Municipal de Futsal para competir, pelo São José, e depois será outra história”, destacou.

Leia também

Publicidade

Blog dos Colunistas